Search

A Consciência Sistêmica

Updated: Jun 22



Diário na Terra: O Mundo tornou-se sistêmico, e quem não quiser mudar sua maneira de pensar e de viver, contribuirá para a manutenção de um segmento de nossa civilização que permanecera conturbada, e revivendo conflitos ciclicamente e em espiral descendente.


O que eu quero dizer com isso?


Pois bem, nós humanos, caminhamos independente de nossas resistências, em direção ao Todo Maior, ou seria melhor dizer algo parecido com o que chamamos de “reintegração ao Universo”, ou a Fonte Primordial. Mas em pleno século XXI, a grande maioria ainda acredita que que nascemos para aprender a pagar contas de luz e que morrer é o fim, e luta-se para sobreviver a qualquer custo. Longe de mim estar sugerindo que todos deveríamos morrer, nada tao estupido, mas eu falo de Vida e não de nascimento, a morte é o oposto do nascimento e não da Vida! E para que se compreenda a Consciência Sistêmica é necessário mudar os limites que construimos dentro da nossa própria consciência.


Mas vamos por partes: As famílias, as empresas e os países possuem exatamente o que é fundamental, para que possamos ver e reintegrar o que está faltando em nossos sistemas ou grupo, ou o que está em desequilíbrio, ou o que foi excluído e esquecido! Quando se percebe que essa lei atua melhor do que qualquer outra, entende-se que não há governo de direita ou de esquerda, há na realidade o governo que representa aquele grupo e que trás à tona o tipo reorganização e de cura necessária, de algum ponto em desequilíbrio naquele país ou naquela cultura!


Olhar para uma família e seus integrantes no momento presente também esclarece o que está acontecendo no sistema daquele grupo, igualmente acontece com uma empresa!


A estagnação ou recusa de se movimentar em direção a novos graus de percepção, nos deixa em limbos, perdendo tempo, muito tempo. Somos arrastados e divididos em grupos políticos, grupos de ricos e pobres, grupos de cores diferentes... Quando a política sendo sistêmica corresponde a tudo que o país e a sua população deve integrar, reintegrar e equilibrar, assim como nas famílias. Perde-se muito tempo curando sintomas do corpo, quando o corpo sendo sistêmico utiliza de sintomas para esclarecer o que lhe falta.... Perde-se muito tempo tentando educar crianças a serem diferentes de seus pais, e quando se mostram dentro dos aspectos sistêmicos de quem os gerou, vê-se a negação e a corrida a terapeutas e medicações.... Perde-se muito tempo ensinando o mundo inteiro a permanecer competitivo, como se fossemos guerreiros medievais, perdidos em algum lugar do passado, e nos tornamos mais e mais dependentes, desconectados e doentes com crises, ataques, preconceitos e realidades disfuncionais.


Perde-se muito tempo alimentando crenças parciais de deuses pessoais, que irão supostamente salvar ou organizar o mundo sistêmico que vivemos de acordo com aquelas crenças. Mas esquece-se que Deus, a Consciência, o Universo ou o nome que se queira dar a Origem de Tudo, está na verdade esquecido e excluído, porque enclausurado dentro de caixinhas com verdades pessoais.


E de se admirar os magníficos movimentos Universais que estão sendo oferecidos a todos nós - sem exceção - e fico impressionada com a persistente resistência das pessoas em aprender a viver de uma maneira mais sistêmica. Mesmo atravessando pandemias, terapias, constelações familiares, ciência e muita tecnologia, com acessos a grandes conteúdos integrativos, ainda assim, o mundo patina.


Só estamos aqui neste ponto da história, porque muitos vieram antes de nós, lutaram, se perderam, aprenderam ... por que e tão difícil entendermos o nosso papel e a nossa parte nisso?

1- Concretamente eu e você somos frutos dos nossos pais, nossos tios, avos, bisavós...ou não estaríamos aqui! Há algo errado nessa hierarquia? Pois saiba que a inteligência Universal contrabalança o que esteve errado. Exclusões serão compensadas e retornarão, perdas serão reeditadas, comportamentos serão repetidos ate que alguém do grupo surja e queira reorganizar isso.


Devo relembrar que os irmãos seguem os mesmos comandos, os mais velhos primeiro e os mais novos em sua sequência. Tentar usar ou tirar o lugar de um irmão mais velho, seja numa herança, numa autoridade ou em seu posicionamento dentro da familia, desequilibra profundamente aquele sistema familiar. Pagamos um preço alto ao contrariar essa lei tão simples, afinal essa e a única maneira de entendermos que a vida e cíclica e possui comandos além das mãos humanas.


2- A morte, o fim e a transformação – mesmo que seja do corpo ao pó – é um processo natural, mesmo porque que eu saiba ainda não possuímos capsulas de extermínio voluntario... Não conscientemente. Nos nascemos, portanto, como tudo que nasce ira morrer, nos também iremos morrer, de uma maneira ou de outra.


Se estes dois itens acima são fatos irrefutáveis, seria de bom senso sentarmos a beira de uma arvore e prestar atenção ao que estamos carregando, o que ou quem estamos acusando, porque seja lá o que for que você esteja vivendo neste momento e porque você está sistemicamente conectado com essa realidade.


La vamos nós falar novamente de transformações, de consciência e dos repetitivos e antigos assuntos sobre crenças limitantes, não é? Mas pare para pensar no preço que você anda pagando para ter o que tem neste momento, e em que bases você está alicerçando sua vida? Está valendo a pena, e o que faz verdadeiramente sentido?


No primeiro item acima sobre a lei sistêmica, o que se desdobrara a partir desse novo olhar, é a hierarquia da vida, tão esquecida por tantos de nós. Bem posicionado e com algum grau de lucidez você deixara de ter alucinações de que é perfeito, e passara a refletir um pouco mais quando apontar o dedo vaticinando quem esta certo e quem está errado.... Afinal sermos Humanos é um exercício de vida, que só poderá ser aprendido enquanto estivermos por aqui. Reconhecer que é você que está ressoando com algo já está de bom tamanho para a sua tão necessária maturidade e responsabilidade.


No segundo item, você terá a chance de escolher se manter no grupo dos coitadinhos e sofridos, das vítimas mal amadas e necessitadas, que carregam histórias e mais histórias sem resolvê-las, vivendo a deriva sem controle algum do próprio destino, ou então, escolher o outro grupo e aceitar que todos nós nascemos para sermos Amados, e que toda luta é um tanto inútil quando o que mais se precisa é de consciência e transformação.


Como seria se você pudesse ver a Grande Consciência e se reintegrar a ela em toda sua natureza essencial? Como seria a sua vida hoje se quando olhasse para o céu soubesse que lá existe vida, movimento e que um dia você retornara para casa? Como seria o seu dia a dia se você experimentasse, mesmo que por alguns minutos, a poderosa força que movimenta e coordena tudo aquilo que esta acima e abaixo, e principalmente que veio antes de você, e que você nunca terá a mínima ideia de como, e do porquê existirem simultaneamente com a sua presença neste planeta no aqui e agora? O que muda dentro de você? O que muda em suas crenças e atitudes? E se cada um de nos pudesse refletir sobre isso e mudar?


Seria uma revolução, não é?


Num Universo recheado de descobertas e possibilidades, o fato de sabermos que podemos eliminar e transformar tudo que carregamos é um imenso salto quântico, é um ato de coragem, é uma grande libertação! Aquiete-se e escute tudo aquilo que você ignorou e que ficou esquecido por milênios dentro de você.... chegou a hora.


Luz para todos nos!


Cynthia France




12 views0 comments

Recent Posts

See All